Você se dá carinho?

A maioria das pessoas deve concordar com aquela frase que nossas mães e avós sempre falam “ninguém é melhor que ninguém”. Então, por que as vezes mesmo assim, cuidamos com mais carinho das outras pessoas do que da gente mesmo? Por que muitas vezes nos despedaçamos para manter as outras pessoas inteiras?

Isto pode ter duas razões, a autoestima frágil ou superproteção. Vou falar uma pouquinho de cada uma delas: Continuar lendo Você se dá carinho?

Vencendo a timidez

A timidez pode ser dividida em dois tipos: a situacional e a crônica. Para entendermos melhor, a timidez situacional é a que quase todos nós experimentamos em momentos específicos, como apresentar um trabalho para muitas pessoas. Já a timidez crônica é constante, nela a pessoa possui dificuldades em praticamente todas as áreas do convívio social, como por exemplo falar com desconhecidos, expor seus pensamentos e lidar com figuras de autoridade. Continuar lendo Vencendo a timidez