Vamos falar sobre resiliência?

Resiliência é uma palavra que vem do latim “resiliens”. É um termo que vem ganhando muita popularidade entre as pessoas (senso comum) e algumas áreas científicas, entre elas a física, ecologia, e também em muitos estudos na psicologia.

Na psicologia, resiliência é a capacidade de superação do indivíduo frente a alguma situação traumática ou que demande risco de maneira positiva sentindo-se até mesmo fortalecido após a “tormenta”. Há uma significação, uma força interior que motiva o indivíduo a encarar tal situação aversiva sob um novo prisma, embora este não saia totalmente ileso. Exemplo: uma pessoa que superou um quadro de pobreza extrema, ou um ciclo de violência doméstica.

É importante ressaltar que resiliência não é uma qualidade que sempre irá prevalecer no indivíduo. Pode ser que este tenha sido resiliente para a situação ‘x’ e em outro momento não consiga ultrapassar pela situação ‘y’ do mesmo modo.

Segundo pesquisas aponta-se uma melhora significativa no quadro de pacientes com câncer que encaram todo o processo de cuidado hospitalar com mais positividade. Sendo importante o olhar cuidadoso de toda uma equipe médica/técnica multidisciplinar observando a singularidade de cada paciente, e dedicando-se a saúde integral do mesmo.

Gostaria da contribuição de quem se interessa pelo assunto. Vamos refletir?


Amanda Lobo | Psicóloga
Site|Facebook | Instagram amanda.plobo@gmail.com
Terapia Cognitivo-Comportamental, Avaliação Neuropsicológica e Autismo.
CRP-04/50160